Sonhei com um casamento. Havia flores laranjas pelo salão. Tinha um homem a minha frente e muitas pessoas me olhando. Percebi, então, que eu era o noivo. Era eu quem estava casando! Que desespero me deu… Quer dizer, eu até quero casar um dia, mas ainda não estava pronto para essa imagem.

A gravata começou a apertar meu pescoço e eu não conseguia respirar. Sentia um nervosismo inédito e minhas mãos suavam muito. Senti que eu tentava acordar para sair daquela agonia, mas começou uma música que anunciava a entrada da noiva. Virei e a vontade de despertar foi embora no momento em que você apareceu.

Eu não consegui interromper a sua chegada. Você vinha numa nuvem e eu era o cara sortudo escolhido para ser o destino. Eu! A felicidade não coube mais em mim. Fiquei com vontade de chorar, gritar, sorrir, gargalhar, tudo ao mesmo tempo. Para não dar vexame, consegui reunir tudo num sorriso tonto.

Enfim, consegui entender porque vocês, mulheres, sonham tanto com casamento. Logo eu, que achava isso só um ritual burocrático… Mas vê-la no tão esperado vestido branco me fez acatar ao momento “mágico” e o querer tanto quanto você.

Então, quando nós acordarmos, vou olhar nos seus olhos e dizer: “Eu vou casar com você“. Mesmo sem ainda ter um anel para colocar no seu dedo, eu quero que você case comigo. Eu quero viver o seu – agora, nosso – sonho. E poder te receber em meus braços, de verdade, vestida como anjo.

Eu poderia te fazer um discurso gigante sobre como eu poderei te fazer feliz, mas você já sabe disso. Você sente isso. Então, a única promessa que eu faço agora é: Eu vou casar com você. Basta você acordar para começar a viver o sonho.

Comments

comments

Powered by Facebook Comments